Loyola Brandão – passado, presente, futuro, tudo misturado

A gente escuta o escritor Ignácio de Loyola Brandão em diversas ocasiões. E mesmo quando conta as mesmas histórias, é sempre, sempre, surpreendente. Na entrevista que deu à jornalista Roseann Kennedy para a TV Brasil, foi ainda mais. Ajudou muito o clima que Roseann e os profissionais da emissora proporcionaram, com simpatia, respeito e conhecimento da obra de Loyola, assim como o estúdio montado em pleno casarão Ramos de Azevedo, a sede da Global Editora em São Paulo. 

Destaques na conversa: as revelações sobre o livro O beijo não vem da boca (Global Editora), que  nasceu da vontade de Loyola de entender o fim de um relacionamento amoroso, que culminou com sua ida a Berlim, nos anos 80; as pistas (poucas) sobre o novo romance, que sairá pela Global Editora – Loyola cedeu ao programa imagens de seu escritório, com páginas do novo livro penduradas num varal; suas rotinas como escritor e entendimentos sobre o processo de criação literária, inclusive a tal da inspiração.

Inspiração não é uma pomba que desce aqui, eu sento e escrevo um poema. , nem dá um raio e sou iluminado. Inspiração é o olho e é o ouvido atento a tudo em volta, Inspiração é sequestrar a realidade.” 

Assista ao programa.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked. *