Gilberto Freyre e Darcy Ribeiro na análise do professor Dennis de Oliveira, da ECA/USP

Charles Darwin mudou o entendimento da humanidade sobre a própria existência com a Teoria da Evolução das Espécies, a partir de sua publicação, em 1859. Nem tudo o que Darwin pensou resistiu aos avanços da ciência. Mas a base, sim. O mesmo pode-se dizer de Freud. Ele é o pai da psicanálise (fim do século 19), mas a própria psicanálise teve suas mudanças e aperfeiçoamentos com o tempo. O que não muda é que são gênios revolucionários, de entendimentos fundamentais, que inauguraram formas de ver o mundo. O pensamento social sobre o Brasil tem seus gênios. Nesse vídeo, o professor doutor Dennis de Oliveira, chefe do departamento de Jornalismo e Editoração da ECA/USP, fala das obras de Gilberto Freyre e Darcy Ribeiro. Em suas aulas e estudos, ele cita os dois com alguma frequência. E, nessa entrevista, trata da importância de se conhecer os pensamentos de ambos, que de alguma forma se complementam, para se entender o povo brasileiro hoje e principalmente a opressão sobre a população negra do país.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked. *