Cecília Meireles encanta na Universidade de Sorbonne

Por / 6 meses atrás / Entrevistas / 1 Comentário

Dois homens deram suas mãos a Cecília Meireles e a acompanharam até Paris. Caminharam com a poeta num fim de tarde pela rue de la Sorbonne, entraram no número 17. Encontraram o anfiteatro Descartes. E ali dentro, no dia 6 de outubro de 2016, espalharam o encantamento. Um dos homens é Antonio Carlos Secchin, poeta, professor, ocupante da cadeira 19 da Academia Brasileira de Letras. O outro, o professor Leonardo Tonus, coordenador do Departamento de Estudos Lusófonos da Universidade de Sorbonne, em Paris. Tonus vem promovendo esses encontros há uma década, entre a Literatura do Brasil e estudantes e leitores franceses. Secchin foi mais uma vez convidado e apresentou a conferência Cecília Meireles: as incertezas da liberdade. No vídeo, o professor Leonardo Tonus conta como foi o evento.

Comentário

  • Grace Baêta.02. nov, 2016

    Fiquei gratificada e emocionada, em ouvir seu depoimento ,em relação a Nossa Cecília Meireles “”Uma das minhas Poetisas Preferidas !
    Cujo maior Prestígio é emocionar o leitor com seus poemas.!
    Realmente ,Antonio Carlos Secchin, sabe encantar uma plateia ,com sua eloquência,levando a mesma a um silêncio que grita por dentro a
    quem Ama a literatura ,de forma indescritível a um entendimento que sempre deixa lacunas,em querer ouvir mais, e mais sobre qualquer autor,em Particular nossa Cecília Meireles !
    “”.Tive o Privilégio de assistir na Academia Brasileira, daqui do Brasil,no Rio de Janeiro.Justamente este tema ,”Os Cavalos da Inconfidência ,
    onde o grande “”mestre Secchin,””levou-me ás lágrimas com um lindo poema da autora citada,””Sugestão””
    Além de ter analisado determinado assunto o qual mencionastes na entrevista.”Os cavalos da inconfidência””Quando o mesmo o proferiu
    inteligentemente ,de forma simples ,que levou toda a plateia a uma Comoção inesquecível , e acolhedora ,a um maior incentivo a quem Ama ,
    Admira Com Paixão a palavra que se faz viva na palavras de Secchin;.Adorei!Obs:”Mas…,que ele fique por aqui,tá??brincadeirinha….Nos o
    Amamos”Nosso mestre Maior! Antonio Carlos Secchin”””Abraço!Grace Baêta.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked. *