A rima denuncia

Por / 11 meses atrás / Entrevistas / Nenhum Comentário

O casario encantador e ao mesmo tempo triste de Ouro Preto estava lá fora do cinema onde a doutora em Antropologia Social, Érica Peçanha do Nascimento, lia um trecho de música composta por GOG. Sua pesquisa se concentra no pensamento e na arte que vêm de moradores das periferias. A pesquisadora já havia participado da abertura do Fórum das Letras de 2016, com Emicida e Ferréz e compunha outra mesa, ao lado do escritor André Santanna. Eles estavam ali para expor pensamentos sobre o Brasil. Érica expôs o ponto de vista da periferia. O vídeo traz a leitura que realizou de um trecho do poema/letra Brasil com P, uma das obras mais conhecidas de GOG, que pela Global Editora tem o livro A rima denuncia, publicado como parte da coleção Literatura Periférica.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked. *